Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/belinha/public_html/falandosobre/wp-settings.php on line 472

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/belinha/public_html/falandosobre/wp-settings.php on line 487

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/belinha/public_html/falandosobre/wp-settings.php on line 494

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/belinha/public_html/falandosobre/wp-settings.php on line 530

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/belinha/public_html/falandosobre/wp-includes/cache.php on line 103

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/belinha/public_html/falandosobre/wp-includes/query.php on line 21

Deprecated: Assigning the return value of new by reference is deprecated in /home/belinha/public_html/falandosobre/wp-includes/theme.php on line 623
Cybele Meyer :: Falando Sobre... Archives: 2010 August

Amigos leitores - Despedida!

Tags:

Estou concentrando todas as minhas atividades no blog Educa Já! (http://educaja.com.br/) e aos poucos o conteúdo deste blog irá para ele também.

Espero contar com a visita de vocês lá.

Foi muito bom o tempo que passamos juntos e aguardo sua visita.

abraços com carinho

Cybele Meyer

Comentários (7) 08/19/2010

Entre tramas, rendas e fuxicos #memoriaglobo

Tags:

Este presente M-A-R-A-V-I-L-H-O (foto 1 do mosaico) que recebi da Rede Globo foi elaborado pela equipe do Memória Globo que desde março de 1999 se dedica à pesquisa da história da TV Globo e de todas as suas produções. Esta equipe é composta por historiadores, antropólogos, sociólogos e jornalistas(foto 2).

Tive muita dificuldade em escolher quais imagens iria disponibilizar aqui, pois tudo é muito lindo, além de eu ter feito uma verdadeira viagem através do tempo das novelas. O estudo de cada personagem é inimaginável para uma pessoa leiga. Nós ficamos com o impacto geral do personagem, mas eles pensam em cada detalhe. “Não há personagem sem figurino. Mesmo que o personagem esteja nu, ainda assim é preciso que existam recursos de figurino para que ele se torne personagem” diz Cão Albuquerque.

Há registros desde a primeira novela realizada em 1965 “O Shek de Agadir” estrelada por Yoná Magalhães, Henrique Martins e Amilton Fernandes.

A última foto do mosaico mostra o vestido da Luna (Liliana Castro) da novela Alma Gêmea quando ela recebeu o tiro mortal. Foram confeccionados cinco vestidos iguais todos bordados manualmente para serem usados em diferentes momentos.

Adivinhe sobre que personagem é o estudo mostrado na foto 8 do mosaico. Pois quem falou que é do Agostinho de A Grande Família acertou na mosca. Quem mais além dele teria um gosto tão “psicodélico” usando um termo dos anos 70.

Coronel Boanerges (foto 7) usava sempre roupas claras para contrastar com seu rival na novela o Coronel Justino. A maravilhosa composição da foto 4 mostra toda a sensualidade de Lola personagem de Vera Fischer na minissérie Amazônia – de Galvez a Chico Mendes, que tinha uma casa noturna. As roupas de cores e corte curvilíneo” foram inspirados no movimento art noveau.

Julia Llemmertz está incrível na personagem Marta (foto 5) da novela O beijo do Vampiro (2002). E finalmente a foto 6 que mostra os criativos figurinos de Hoje é Dia de Maria (2005) que “reforçavam o caráter alegórico da minissérie, juntando diferentes materiais, cores e texturas, como mostram as fotos de Letícia Sabatela (Alonsa) e Carolina Oliveira (Maria..

Imperdível esta produção!

Agradeço muito o presente #redeglobo

Comentários (9) 08/13/2010

Criança Esperança - 25 anos de sucesso #criesp25

Tags:

Neste dia 14 de agosto (sábado) vai ao ar ao vivo logo após a novela Passione mais um programa “Criança Esperança” que comemora 15 anos de existência. Sobre a direção de Wolf Maya a edição especial promete ser muito emocionante.

Serão ao todo cinco blocos temáticos falando sobre as diversas regiões do Brasil mostrando a diversidade cultural em diferentes épocas levando os telespectadores a uma viagem de sonho, imaginação e inocência. Durante toda a noite artistas e personalidades que sempre abraçaram esta tão nobre causa passarão pelo palco ressaltando casos que abordam a infância e a juventude do nosso país.

O show abordará brinquedos e brincadeiras que fizeram parte da infância das crianças nos últimos cem anos motivando o público a entrar em um mundo lúdico tornado-se criança novamente.

As crianças de todo o país serão representadas por Klara Castanho.

O público presente ao vivo poderá acompanhar tudo que se passa no palco através de um teção de LED com 12 metros de comprimento por seis de altura que além de exibir vídeos acompanhará as atrações da festa.

As intervenções jornalísticas são compostas com reportagens do ‘Profissão Repórter’, que mostram projetos e pessoas beneficiadas pelo ‘Criança Esperança’ ao redor do país, e pela apresentação, ao vivo, de Sandra Annenberg e Evaristo Costa, acompanhados pelos personagens Mônica e Cebolinha. Os ícones da ‘Turma da Mônica’ serão inseridos virtualmente e, juntos, jornalistas e personagens irão fazer a contagem de doações e informar números e estatísticas do Projeto.

Números musicais compõem a festa com performances de nomes como Gilberto Gil, Ivete Sangalo, Alexandre Pires, Diogo Nogueira, Maria Gadu, Luan Santana, Paula Fernandes, Alcione, Emilio Santiago, Sandy, Lucas (Fresno), Leo Santana, Cine, Fiuk (com a banda Hori), Evo 84, Ana Costa, Roberta Sá, Claudia Leitte, Charlie Brown, Dominguinhos, Elba Ramalho, Lenine e Kandies. No palco, uma banda fixa com 22 componentes e ainda a Orquestra Sinfônica de Heliópolis, regida pelo maestro Silvio Baccarelli, e a Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais, composta por 116 componentes.

Parte do público também participa desta edição: 320 crianças dos projetos Afroreggae e CUFA (Central Única das Favelas), divididas em quatro grupos, ocuparam espaços definidos compondo o espetáculo. A integração social de portadores de necessidades especiais é também uma preocupação do programa. O grupo de dança da ANDEF (Associação Nacional de Deficientes Físicos), de Niterói, crianças da ABBR (Associação Brasileira Beneficente de Reabilitação), INES (Instituto Nacional de Educação de Surdos) e APAE (Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais) são os representantes destes grupos, presente nos palcos e em vídeos inseridos ao longo da noite.

Nesses 25 anos, a campanha, protagonizada por Renato Aragão e grande elenco da Rede Globo, arrecadou R$ 215,6 milhões, beneficiando mais de 5 mil projetos e 4 milhões de crianças e adolescentes em todo o Brasil. As doações ao Criança Esperança podem ser feitas pela internet, no site www.criancaesperanca.com.br; e em 20 mil casas lotéricas nas principais cidades do país.

Já as contribuições por telefone irão até o dia 22 de agosto nos seguintes números:

· 0500 2010 005, para doar R$ 5

· 0500 2010 015, para doar R$ 15

· 0500 2010 040, para doar R$ 40

· 4004 4010, para doar mais de R$ 40 (entre 9h e 21h)

Os doadores do ‘Criança Esperança’ têm ainda mais uma plataforma para contribuir com o projeto: as máquinas portáteis da rede Trel em estabelecimentos comerciais espalhados por todo o Brasil. A parceria da empresa de tecnologia com a Rede Globo e a UNESCO prevê que as doações pelos terminais poderão ser feitas durante todo o ano, com um valor mínimo de R$ 1 cada uma, inclusive com centavos.

Acompanhe também pelo Twitter  @criesperança25

Você não vai ficar de fora, vaí?

Afinal esta corrente só existe com você!

Comentários (3) 08/09/2010